ERP Cigam atenderá o eSocial em novembro

Projeto do Governo Federal será exigido às empresas a partir de janeiro de 2014.

O ERP da Cigam, fornecedora de software de gestão empresarial (ERP, CRM, RH, BPM, Mobile e BI), já está preparado para o eSocial ? projeto do Governo Federal que faz parte do Sistema Público de Escrituração Digital (SPED) e visa a unificar, por meio digital, todas as obrigações trabalhistas e fiscais das empresas/empregador em relação aos seus empregados, cuja obrigatoriedade está prevista para janeiro de 2014.

A partir de novembro, a adequação ao novo modelo estará disponível para os clientes da Cigam, que terão acesso por meio da atualização do software da empresa. Para companhias que ainda não são clientes, a Cigam disponibiliza a atualização integrada a seu módulo de Folha de Pagamento.

O eSocial permite às empresas enviar de forma digital todas as informações relacionadas aos seus empregados. O novo sistema unificará o envio de nove obrigações trabalhistas, entre elas o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), a Declaração de Imposto de renda Retido na Fonte (Dirf), Guia de Recolhimento do FGTS e informações a Previdência Social (GFIP).

Para Gabriel Vedovatto, analista de Negócios da área Fiscal da Cigam, o eSocial, conhecido também como EFD-Social ou Sped Folha, trará benefícios para todos os envolvidos. ?Para as empresas ou empregadores, o eSocial simplificará a entrega de dados ao Fisco, eliminando o acúmulo de obrigações que atualmente são enviadas em momentos e maneiras distintas. Os empregados terão suas informações trabalhistas sempre atualizadas e poderão solicitá-las à empresa quando necessário, por exemplo, para realizar um pedido de empréstimo ou financiamento. Já para o Governo, a entrega única das obrigações facilitará a busca e análise de irregularidades, como prazos desrespeitados, erros e declarações incoerentes?, explica.

Segundo Vedovatto, a principal mudança ocorrida no ERP Cigam para atender o eSocial foi a necessidade de maior integração entre os módulos Fiscal, Financeiro e Folha de Pagamento, já que uma das exigências do eSocial é obter informações de pagamentos à terceiros, demanda que até então era atendida pelo módulo Financeiro do sistema. ?Vamos consumir cerca de 600 horas para realizar as modificações e testes na nova versão do Cigam para atender o eSocial. Os clientes que já possuem o módulo Folha de Pagamento terão a nova versão atualizada automaticamente e sem custo?, afirma.

O projeto eSocial é desenvolvido e gerido por órgãos e entidades do Governo Federal - Caixa Econômica Federal (CAIXA), Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), Ministério da Previdência Social (MPS), Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) e Receita Federal do Brasil (RFB). O Ministério do Planejamento também participa do projeto, promovendo assessoria aos entes participantes na equalização dos diversos interesses de cada órgão e gerenciando a condução do projeto, através de sua Oficina de Projetos.

Sobre a Cigam

Atuante há mais de 20 anos no mercado de software de gestão empresarial, a Cigam possui uma das maiores bases instaladas de ERP do Brasil (primeira no Sul do País e a quinta no território nacional). Atualmente, a companhia conta com mais de 3.500 clientes e mantém uma taxa de retenção de 99,98%. Com isso, a empresa vem a cada ano renovando a conquista de prêmios como o Top Ser Humano na ABRH; Qualidade e Produtividade do PGQP; e Melhores Empresas para se Trabalhar pelo GreatPlaceToWork. A Cigam tem 42 unidades de atendimento distribuídas pelo País e uma no México e conta com cerca de 700 profissionais oferecendo soluções em ERP, CRM, BI, RH e Mobile. Mais informações acessem ao site: www.cigam.com.br.


Link Externo: www.cigam.com.br/noticia/618/erp-cigam-atendera-o-esocial-em-novembro/